UnC vence com garra e determinação

6

A equipe concordiense da AAU – UnC Concórdia (SC) recebeu em seus domínios a até então invicta UNIP São Bernardo (SP), para mais um jogo válido pela Liga Nacional na tarde deste sábado, e diante de uma torcida elétrica e participativa que jogou junto com o time desde o início da partida, comemorou mais uma vitória na competição.

As catarinenses entraram em quadra focadas e realizando um trabalho de defesa forte. Quando a equipe paulista conseguia se desvencilhar da marcação, parava na goleira da AAU, Luciane Verona, em uma tarde iluminada. Com essas ações na defesa o ataque fluiu naturalmente, fazendo com que o primeiro tempo fechasse com uma vantagem de seis gols para as donas da casa (16 x 10).

O tempo final da partida iniciou e as paulistas bem que tentaram reverter essa vantagem, mas as comandadas do técnico Alexandre Schneider souberam administrar o placar, que nunca baixou dos quatro gols.
O técnico Eduardo Carlone tentou de todas as maneiras buscar a virada, arriscando em alguns momentos a ficar sem sua arqueira. Mas mesmo com a superioridade numérica em quadra, a UNIP não conseguia penetrar na marcação concordiense. E com contra ataques rápidos comandados pela arqueira catarinense que acabou marcando seu gol em um arremesso longo, a AAU venceu a partida pelo placar de 28 a 23, tirando assim a invencibilidade da equipe do ABC paulista.

No final da partida o técnico Alexandre Schneider comentou sobre o resultado.
“Fomos muito bem! Defensivamente hoje a equipe se sobressaiu. A Lu fez um grande jogo, muito concentrada naquilo que nós tínhamos conversado e isso deu tranquilidade ao grupo, fazendo com que a equipe adversária tentasse de todas as maneiras buscar o placar. Eu fico muito contente porque a equipe respondeu principalmente na defesa. Claro que no final o cansaço, o desgaste e poucas trocas, fez com que reduzíssemos um pouco o ritmo, mas soubemos administrar a partida da melhor forma possível. Então estamos muito contentes com isso”.

Agora a equipe da AAU tem dois jogos fora de casa onde enfrentará as equipes paranaenses de Maringá e Cascavel.
Schneider espera dois jogos difíceis, principalmente por jogar na casa das adversárias.
“Cascavel vem surpreendendo com os resultados. Maringá hoje, dependendo dos resultados, poderemos chegar lá com eles praticamente fora da competição, mas mesmo assim por jogar em casa, vai lutar para vencer. Então serão dois jogos duros. Essa vitória de hoje nos dá um pouco mais de tranquilidade para viajar e esperamos que a equipe possa render o que rendeu hoje. Se conseguirmos manter esse mesmo ritmo, esse rendimento, com certeza voltaremos de lá praticamente classificadas para o último jogo contra Blumenau” – disse Schneider.

O técnico da AAU também ressaltou a importante participação do torcedor concordiense.
“Na hora que a torcida percebe que a equipe demonstra compromisso e dedicação, a torcida vai junto. E hoje aconteceu novamente isso, do início ao final da partida. Com isso, com o apoio do torcedor e com os resultados alcançados, já começamos a pensar efetivamente em trazer a segunda fase da Liga para Concórdia, o que seria muito importante para nós”.
(assessoria Handebol)